Secretaria de Meio Ambiente fiscaliza poluição sonora no centro de Campo Maior

Fiscais ambientais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Naturais- SEMMARN mantém a fiscalização contra o abuso de som no centro comercial de Campo Maior. A ação é uma determinação do Prefeito, Professor Ribinha e visa prevenir a população de possíveis danos à saúde auditiva, além de proporcionar condições adequadas para quem vai comercializar algum tipo de produto. A atividade tem a parceria da Secretaria Municipal de Trânsito e Mobilidade Urbana e o apoio da Polícia Militar.

De acordo com a secretária da SEMMARN, Conceição Paz, os trabalhos contra a poluição sonora são de rotina e buscam verificar se os estabelecimentos estão funcionando dentro da legalidade, através da aferição com o decibelímetro, que é o aparelho usado para medir o nível ou volume do som.

O coordenador de fiscalização ambiental, Raimundo Duvale explica que são monitorados os ruídos nas proximidades de lojas, bares, bancas de camelô, motos e carros de som volantes e demais estabelecimentos que possam ultrapassar o limite de decibéis permitido. O nível permitido pela legislação ambiental são 85 decibéis durante o dia e 45 à noite.

4673ad9b-2c2a-4465-b111-2c5017aab1caca270248-9452-4de5-9fa5-d2de67ea5e46

O coordenador disse ainda que a fiscalização vai permanecer e que a desobediência a Lei poderá resultar em penalidades tais como: multas e até mesmo apreensão dos objetos de som. Na fiscalização ocorrida nesta segunda-feira não houve notificação.

788aa263-be51-402d-9ef5-c3df2b144f7e (1) 2fa21a2f-0b69-4e48-bfd6-63831877c163

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *