Prefeitura realiza oficina de incentivo a projetos científicos em Campo Maior

A Prefeitura de Campo Maior através da Secretaria Municipal de Educação – SEMED, em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações está realizando a “Oficina de Projetos para a Popularização da Ciência”. O evento que acontece no Auditório da SEMED iniciou na manhã desta segunda-feira (20) e segue até terça-feira (21), das 08 às 18 horas.

Direcionada a diretores, professores, coordenadores e técnicos da rede municipal de ensino, a oficina possui carga horária total de 40 horas, divididas em 16 horas para a realização de atividades presenciais e em 24 horas para produção a distância.

“Esse momento é muito oportuno, impar e de muitas contribuições, pois vamos estar aprendendo técnicas científicas de como elaborar projetos e buscar recursos junto a outras instituições e parceiros que também investem em educação”, afirmou a secretária municipal de Educação, Conceição Lima.

Na oportunidade, além de dar as boas-vindas, a secretária Conceição Lima parabenizou a todos pelo resultado alcançado na Olimpíada Internacional de Matemática Sem Fronteiras 2019 e agradeceu ao prefeito Professor Ribinha por sempre acreditar, incentivar e investir cada vez mais na educação.

A oficina está sendo ministrada pelos professores Carlos Wagner Costa e Alex Armênio, abordando temas como: A elaboração de projetos científicos e culturais para editais em órgãos de fomento, Ensino por investigação, Planejamento estratégico, Como fazer um projeto?, O método investigativo em diversos ambientes com perguntas, deduções, hipóteses, Templates, Tipos de Editais, Tipos de Planejamento, Como obter financiamento, Projetos de pesquisa e extensão, Monitoramento e elaboração de relatório, Plano de ação, Elaboração do projeto e outros.

“Nós somos privilegiados por estar recebendo esse trabalho. E se nós professores, diretores, coordenadores nos atualizarmos, estaremos preparados para trabalhar com esses projetos, fazendo com que os nossos alunos possam chegar cada vez mais longe. Então Campo Maior não pode ficar de fora desse aprendizado, desse contexto”, declarou a professora e orientadora de iniciação científica Silvana Orsano.

CIENCIA (1) CIENCIA 1

 

ASCOM

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *