Polícia acredita que foi feminicídio morte de mulher encontrada em caixote

d36b9b93ccab20c26cdb7e31b53d67eb

A delegada Luana Alves, do Núcleo de Feminicídio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) informou que trata como feminicídio consumado o crime contra a mulher, que teve o corpo encontrado dentro de um caixote, no bairro Leonel Brizola, zona Norte de Teresina.

Um funcionário de uma obra encontrou o caixote colorido em uma ribanceira e acionou a polícia, na tarde desta terça-feira(09). Segundo ela, a morte aconteceu há cerca de cinco dias.

“O corpo está no IML (Instituto Médico Legal) que deve precisar a data certa. Mas, superficialmente o perito analisou que tinha de quatro a cinco dias pelo estado que estava”, afirmou a delegada.

Ela disse que aparentemente, a mulher de pele clara, cabelo escuro cacheado deveria ter cerca de 40 anos. No entanto, com o estado avançado de decomposição não era possível precisar exatamente.

Até o momento ninguém compareceu ao DHPP reclamando pelo desaparecimento de uma mulher. “A equipe de investigação está no local onde o corpo foi encontrado para ver se tem notícia de alguma mulher desaparecida na região. De ontem para hoje, não houve nenhuma reclamação”, destacou.

da360d640ebd2e033b9bb70d3620b9a1

Delegada Luana Alves

Alves disse que solicitou ao IML que seja recolhido material biológico do corpo para facilitar na identificação, caso algum familiar compareça. “Ai vai ser uma identificação bem precisa”, argumenta.

Sobre o crime se tratar de um feminicídio, a delegada explica que somente pela maneira como corpo foi desovado, já se caracteriza com a qualificadora.

“Tudo indica que seja feminicídio, pela maneira como ele ou ela tratou o corpo. Por ser uma mulher, um ser humano, botou num caixote e jogou numa ribanceira, dando um tratamento de menosprezo, de inferioridade, de submissão e isso já pode qualificar como feminicídio. O Boletim de Ocorrência foi feito como feminicídio consumado pelo modo como o corpo foi encontrado”, disse Luana Alves.

Fonte:cidadeverde.com

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *