Coordenadoria da Mulher avalia índice de violência doméstica durante o isolamento social

A Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para Mulher reuniu na manhã desta sexta-feira, (24/04) representantes da rede de atendimento a mulher vítima de violência para discutir ações e avaliar o índice de violência doméstica durante o isolamento social.

Respeitando as medidas de proteção da propagação do Coronavírus, participaram da reunião Luciano Ricardo, psicólogo do Hospital Regional de Campo Maior que representou o SAVVIS – Serviço de Atendimento às Vítimas de Violência Sexual, Nívia Maria, Assistente Social do Creas- Centro de Referência Especializado da Assistência Social, além de membros da Coordenadoria de Política para Mulher.

9e5a332e-1727-4dd6-b1c9-d7d0caf17808

A Coordenadora de Políticas para Mulher, Luzia Pereira, explica que mesmo durante o isolamento social as atividades estão sendo realizadas. “Hoje tivemos reunidos para analisar como estão os índices de violência, se aumentaram com o isolamento, trabalhamos com os números notificados e vemos que não aumentou, pode até ter aumentado outras violências, mas violência doméstica não, se teve, não foi notificado”, enfatizou Luzia Pereira.

O psicólogo Luciano Ricardo explica que os casos de violência que chegam ao Hospital são notificados e repassados para a rede de atendimento para que seja feito o acompanhamento necessário. “Nesse mês de abril tivemos dois casos de violência sexual, contra crianças de 4 a 8 anos, fizemos todos os procedimentos e encaminhamos à rede para serem feitas as possíveis notificações e resolutividade dos casos”, informou.

Nívia Maria, assistente social do Creas, explica que com as medidas adotadas pelo município durante a pandemia do Coronavírus, o Creas está trabalhando com regime de plantão. ” Com as novas normas de funcionamento estamos trabalhando em regime de plantão, a gente recebe a demanda faz os procedimentos, acompanhamentos, orientações e encaminhamentos”, disse Nívia.

Para facilitar o atendimento às vítimas de violência a Coordenadoria da Mulher, dispõe dos contatos (86) 9.9992- 9475 e 9. 9466-8767. O Creas também disponibilizou um número para atendimento, (86) 9.9434-5845.

75857dd4-8a60-48da-b49c-4c079a0f9fed c8cfc53a-426f-4d85-8dae-d6bc7b983ce3 8cedb221-7fc6-48b6-b57d-fa3f443c039f

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *