Carros apreendidos pela justiça são incendiados após uma festa política

Segundo algumas testemunhas, o incêndio foi ocasionado por faíscas de fogos de artifícios que caíram no local, durante comemoração política.

O município foi palco de uma polêmica no último sábado (1º/10) quando os deputado federal Júlio César e seu filho, o deputado estadual Georgiano Neto, ambos do PSD, se recusaram a abrir um veículo para uma apuração e só depois de promovem um ‘espetáculo’ da cidade, causando um tumulto, o carro foi aberto e não havia nada.

Quem venceu a eleição para prefeito na cidade foi a cunhada do deputado federal, Neidinha (PSD).

img6838-6 img6839-6 img6840-5

 

Fonte: 180

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *