Campo Maior não registrou empregos formais em maio, diz CAGED

Os dados divulgados nessa terça (20) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) mostram que o município de Campo Maior deixou de gerar empregos formais no mês de maio. Segundo o levantamento, 59 pessoas foram contratadas, porém, no mesmo mês outras 59 foram demitidas.

No mês anterior, abril, o município terminou com saldo positivo de 0,17. Ao todo, foram 56 admissões contra 51 demissões. No primeiro mês do ano o saldo foi -0,87. Em fevereiro (0,51), março (0,47) e abril (0,17) o município melhorou o desempenho ancorado no crescimento do setor de Serviços.

Na soma de janeiro a maio, Campo Maior contabiliza 20 novos empregos gerados. O setor de serviços é responsável por boa parte dos novos postos de trabalho; foram 20 admissões. Por outro lado, a Construção Civil é a que mais desemprega. Já são nove demissões.

Piauí

Nas cidades com população acima de 30 mil, no Piauí, Teresina apresentou os melhores números com saldo de 324. Depois aparecem: União (295), Parnaíba (95), Esperantina (26), Esperantina (26), Floriano (21), Piripiri (16), José de Freitas (7), Oeiras (5), Miguel Alves (4), São Raimundo Nonato (0), Campo Maior (0), Altos (-9), Barras (-17), Pedro II (-28) e Picos (-35). O Estado terminou o mês de maio com o saldo positivo de 704 novos trabalhos formais.

Brasil

O país abriu em maio 34,253 empregos. Este é o segundo mês seguido de crescimento. A agropecuária e serviços são os responsáveis pelo crescimento. O Comércio e a Construção Civil foram os que mais demitiram.

Fonte: Emfoco

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *