Ação do Conselho Tutelar leva acusado estupro a ser preso em Campo Maior

Após investigação da Polícia Civil, com ajuda do Conselho Tutelar, foi preso no início da tarde desta terça-feira (23), Ernandes da Silva Santos da comunidade Água Fria, zona rural de Campo Maior, acusado de ter estuprado uma garota de 11 anos.

No último dia 06 de maio, Ernandes teria aproveitado que os pais da garota dormiam embriagado para cometer o crime. A conjunção carnal foi comprovada através da realização de exame de corpo e delito.

A delegada Camila Gomes, do 1° Distrito Policial de Campo Maior, explica que “o caso vinha sendo investigado e tanto o suspeito quanto a criança e os pais já haviam sido conduzidos à delegacia no mês de abril deste ano para serem ouvidos, ainda assim o suspeito teve a audácia de praticar o ato”, disse a delegada.

Na época foi constato que a menina ainda era virgem, porém Ernandes já teria cometido atos libidinosos nela. Ernandes era amigo dos pais da vítima e além dele, outro individuo ainda não identificado, também já teria tentado estupra-lá.

Para a polícia, a culpa principal é dos pais, já que vivem embriagados e deixavam a criança vulnerável. Hoje a menina está morando com os avós em Teresina e há uma solicitação para que os pais percam a guarda da filha.

Ernandes está preso na delegacia de Campo Maior, mas negou tudo. A polícia aguarda o surgimento de vaga no sistema penitenciário para transferi-lo.

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *